browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Quem sou eu

           Meu nome é Maria Elisa Bittencourt, e alguns internautas hão de conhecer-me pela minha coluna Foco publicada no Montblatt, um pasquim semanal criado e editado pelo Fritz Utzieri.

           A intenção deste meu blog é ter um espaço semanal em que publicarei minhas ideias que creio eu poderão interessar as pessoas que se preocupam com o Brasil e que acham que nem tudo são flores, apesar da Copa e das Olimpíadas. Apesar da referência irônica ao mote da campanha de Lula à presidência, não sou fã dos tucanos, pois minha rabugice me faz reclamar do pacto da mediocridade que vigora em nosso país eao qual todos os partidos aderiram.

          Mas o meu foco vai além e pretende incluir também o que ocorre neste admirável mundo novo que cada vez me assusta mais e me faz querer refugiar-me num passado que hoje parece distante, em que éramos menos determinados pela tecnologia, como ocorre agora, quando as crianças são educadas pelo facebook.

          Para aqueles que acessarem minha página, não peço que concordem comigo, mas apenas que o que eu diga aqui seja matéria de reflexão. Pois para mim pensar é o melhor calmante e a melhor terapia que existe, não custa nada e não tem contra-indicações, acreditem.

Obrigada.


11 Responses to Quem sou eu

  1. Cassiano Macedo

    Ok Maria Elisa, vou acompanhar seus textos.
    Eu gostava muito dos escritos do Fritz, apesar de não concordar com muitas coisas que ele falava do meu partido.
    Mas ele era um intelectual e conhecedor da realidade nacional e da política , além de ter lutado com seus escritos contra a ditadura, por isso eu o respeitava muito, mesmo não concordando.
    É diferente dessa mídia que deixa claro de qual lado ela está e que não dá para ler, porque não sou um analfabeto político, ou seja, precisamos de um marco regulatório, sim.
    Vou acompanhar sim seus textos e desejo muito sucesso. Se posso dar uma opinião, veja se consegue que alguns colaboradores do Fritz enviem algum material para que sejam publicados na sua página.

    • admin

      Cassiano, obrigada pelo apoio, e pela sua moderação. Independentemente de sermos PT ou anti PT acho que somos todos pessoas de bem que querem que este país seja menos esculachado e o governo seja mais responsável perante o povo.

  2. Epilogo Jr

    Oi Elisa, Louvo sua iniciativa em promover “quase” o mesmo espírito do Mont… qual seja, de continuar pensando o país e o mundo. Com isto, prestamos nossa homenagem ao Fritz, um dos grandes pensadores irrequietos de nossa geração que apaixonadamente se dedicou, junto com outras penas mordazes, como o jornalista Fausto Wolff, por exemplo, a descobrir a verdade dos fatos onde realmente interessava ao ser humano, ao cidadão comum, à liberdade e à democracia. Novos desafios em propor soluções diante de tanta esculhambação. Vida longa para o blog e para vc tambem !

    • admin

      Sim, foi o Fritz que me deu a oportunidade de escrever, então não posso decepcioná-lo. Obrigada!

  3. Sueli Bulhões

    Parabéns, Maria Elisa pela iniciativa. Concordo com você “pensar não custa nada e não tem contra-indicações”. Melhor ainda quando socializamos nossas ideias e possibilitamos a que outras pessoas dialoguem com elas enriquecendo-as sempre. Vida longa para o seu blog conforme deseja o Epílogo Jr. e eu também!

    • admin

      Sueli, obrigada pelo apoio, realmente o importante não é concordar, mas dialogar.

  4. Frederico

    Sempre fui assinante do Montblatt. Desde o primeiro número. Acompanhava sua coluna mas, se permite, sempre te achei uma senhora já entrada nos 60/70 anos. Não imaginava tão jovem. Vou continuar a acompanha-la aqui. Seu comentário sobre a mediocridade é mais que correto. Instalou-se no país, com raras e honrosas exceções. No que chamamos de ‘governo”, então, é quase que requisito preferido.

    • admin

      Frederico, não se preocupe, você não é a primeira pessoa a achar que sou uma senhora, eu já era chamada assim quando eu estava na faculdade nos idos de 1990! Tenho alma reacionária, como eu me apresento no site. Obrigada pelo comentário.

  5. Lucho Gonzalez

    Olá Maria Elisa Bittencourt! Como está? É com satisfação que recebo por email este convite. Fui um dos primeiros leitores do Montblaat e muito feliz por ter feito parte deste nobre jornal e sem dúvida uma das belas surpresas foi justamente você com seus textos que permitia o leitor questionar. Vida longa para o seu blog! Fritz está feliz!!! Abraços.

    • admin

      Obrigada pelos votos Lucho. Realmente o importante não é que concordem com tudo o que digo, mas que meus textos permitam ver as coisas por um ângulo diferente.

  6. walter tadeu

    Saudações Elisa, tudo bem? Espero que sim.

    Primeiramente agradeço ao convite que enviou-me via email.

    Acompanharei seu blog.

    Fica com Deus e tenha uma ótima semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *